quarta-feira, outubro 04, 2006

REALIDADE DO BRASIL - EDUCAÇÃO.

O Brasil tem 33 milhões de analfabetos funcionais (cerca de 18% da população), ou seja, pessoas com menos de quatro anos de estudo, e 16 milhões de pessoas com mais de 15 anos que ainda não foram alfabetizadas. Os dados são do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
As propostas dos políticos em relação à educação é diminuir a taxa de analfabetismo, investindo em construções de novas escolas e mais bolsas de estudo em universidades.
O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) da Bahia vai implementar o primeiro curso de educação à distância para surdos no país. A iniciativa foi apresentada como estudo de caso na 22º Conferência Mundial de Educação Aberta e à Distância, em andamento no Rio de Janeiro.

fonte: http://www.bomdiabauru.com.br/index.asp?jbd=3&id=241&mat=38883

Em nossa opinião, tanto Alckmim quanto Lula, independente de quem vier a ganhar o segundo turno, deveriam não apenas deixar suas propostas no papel, mas sim começar a executá-las. Esperamos que construam e reformem mais escolas, disponham de mais bolsas de estudo em universidades e diminuam a taxa de analfabetismo no Brasil.
Ao nosso ver, se todos os cidadãos tiverem uma boa educação, conseqüentemente terão um futuro melhor com menos desemprego e pobreza.


Nome: Vanessa e Viviane.
Série: 8B.
Caic professor Mariano Costa
Joinville-SC

2 comentários:

Nety pela Educação disse...

Olá meninas!
Vocês estão com razão!
Parabéns pelo trabalho neste Blog!!
Abraços!

Janete disse...

Olá meninas!
Achei a opinião de vocês muito correta! Realmente, que o presidente eleito ponha em prática suas promessas!
Eu particularmente já tenho meu candidato! E se voltei para a universidade este ano, posso dizer até que foi pelo governo dele!
Um abração para vocês!